Google corrige bug do navegador Chrome para Android





Após a chegada do horário de verão, às 0h do último domingo (20), no qual alguns estados e regiões brasileiras adiantam o relógio em uma hora, uma inesperada falha ocorreu no navegador do Google para Android. Você provavelmente vivenciou (e se irritou) com este bug sofrido pelo Chrome, no qual o browser simplesmente travava poucos segundos após ser aberto. Os links não abriam e o navegador simplesmente ficou inutilizável.


Durante todo o domingo usuários Android que têm o Chrome como navegador padrão reclamaram em redes sociais e fóruns, e o tal do bug rapidamente virou notícia na internet. Algumas alternativas surgiram para contornar o problema, como reconfigurar manualmente ou trocar o fuso horário, desinstalar a última atualização do Chrome ou até mesmo utilizar outros navegadores (Mozilla Firefox, Opera etc.).




Vale ressaltar que o bug foi notado apenas pelos usuários que deixaram ativada a opção de troca de horário automática, sendo que nenhuma reclamação foi registrada entre aqueles que optaram por fazer a mudança manual.

curti nossa pagina 



Na segunda-feira (21) o Google já havia corrigido a falha e o navegador funcionava normalmente. Ao que tudo indica, o aplicativo do browser recebeu uma atualização que apresentava um erro levando ao encerramento do serviço, devido a um problema na configuração com nosso horário de verão.


Por mais que o Google seja uma empresa de ponta e domine praticamente todos os mercados nos quais se insere, mostrou que também pode cometer erros bizarros como este. E certamente pagou pelo preço, pois muitos usuários Android conheceram e testaram outros navegadores por conta do ocorrido e parte deles não voltará mais a utilizar o Chrome. Inclusive pedimos a você, que baixou e se adaptou bem a outro navegador, que deixe sua indicação nos comentários.




Quem aguardava ansiosamente pelo lançamento do Android 4.4 KitKat neste mês de outubro vai ter que se contentar com o bug do Chrome. Pelo menos até o momento.




Postagens populares