Grande sucesso do Moto G é confirmado com ascensão da Motorola no Reino Unido




O Moto G, smartphone da Motorola voltado para o mercado low-end, deu um grande exemplo para todas as fabricantes sobre como produzir um smartphone bom, bonito e barato. Ele é sucesso de vendas em praticamente todos os lugares onde é vendido. E demonstrou isso mais uma vez no Reino Unido. E por que é de se destacar um bom número de vendas na terra da Rainha? Por que a fatia de mercado da Motorola lá era de quase 0%. A empresa estava no limbo do esquecimento. Mas desde dezembro até o final de fevereiro, a fatia da Motorola cresceu para 6%. Um salto enorme! E tudo isso graças ao Moto G.

Os dados são da Kantar World Panel ComTech. Isso foi uma grande lição para outros fabricantes. Embora o preço do Moto G seja baixo, sua qualidade está longe de ser. E isso foi o que o impulsionou para cima. De acordo com a empresa de estatística, o Android vinha caindo no continente, cerca de 4,3 pontos percentuais. Mas o Moto G ajudou o robozinho verde a se manter na frente sem uma grande queda. Hoje o Android está com 68,9% de participação no mercado europeu. A Apple vem em segundo lugar, com 19% subindo 3,1%. E, claro, o Windows Phone chega em terceiro, com 9,7% de todas as vendas, o que representa um acréscimo de 3,4 pontos percentuais.

A Kantar disse em um comunicado: "A Motorola não estava na Europa antes do Moto G ser lançado em novembro do ano passado. Mas o novo modelo , desde então, impulsionou a fabricante a ter 6% das vendas britânicas. Isso destaca a velocidade com que um telefone de baixo orçamento mas com qualidade pode perturbar o mercado".

Ainda segundo dados da Kantar, a maioria dos donos de Moto G na Inglaterra são de baixa renda, ganhando menos que 20.000 euros por ano. Estão entre a idade de 16 a 24 anos e 83% são homens. 48% das vendas foram feitas pela internet, mostrando assim que o consumidor está se informando mais online antes de comprar um celular. Ele avalia comentários em blogs e sites e comparativos de performance para, então, definir qual smartphone adquirir.

A Kantar também observou que a Motorola roubou um número significativo de clientes da Samsung e da Nokia. Visto que a Motorola, à época pertencente a Google, não tinha praticamente nenhum cliente no Reino Unido, eles vieram de outras fabricantes. E as mais afetadas foram a sul-coreana Samsung e finlandesa Nokia. Ponto positivo para a Motorola. Que outras empresas sigam o exemplo e continuem fabricando celulares baratos e de ótima qualidade, como é o Moto G.

Postagens populares